PELOTÃO DE APOIO DIRECTO 1246
Quinta-feira, 22 de Março de 2007
A ESTATUA

Para comemorar a passagem dos Abelhas por Nova Lisboa, dois abelhas (Furriel Silva e o 1º Cabo Silva/Benfica)  resolveram que ficaria bem à entrada do quartel  uma estátua - mas não um qualquer símbolo militar, pelo que rejeitaram a ideia habitual do canhão ou do carro de combate.

Se a nossa actividade era o trabalho de apoio, então a estátua deveria glorificar isso mesmo: o espírito do trabalhador, numa expressão plástica que realçasse o seu sentido de importância, nobreza e liberdade,  associando-o a uma pose orgulhosa e digna.

Realizada em ferro pintado a negro, foi implantada no centro de uma peanha com àgua - como emergindo de um elemento natural e puro.

Foi mais um ponto de orgulho, com inauguração solene pelo Brigadeiro Nobre dos Santos, Comandante do Serviço de Material em Angola. 

Soubemos depois que alguns dos símbolos usados mereceram alguma suspeita (o martelo de ferreiro nunca foi de facto bem visto...), o que trouxe inclusivé alguma pressão sobre o nosso comandante Ladino. A ele agradecemos o apoio que sempre nos deu e a figura paternal que tão bem soube representar.

Infelizmente, como tantas vezes acontece com a cultura, soubemos que a obra acabou por ser destruida pela incompreensão dos nossos sucessores.

Nota:

Recebemos agora a informação que, em 1973, com o PAD3069 (Rui Seleiro)  a estátua ainda estava de pé. Com o PAD9789 (Antonio Fernando Pinto), que foi o ultimo PAD que esteve no local, em 1974, antes da independência, a estátua já não existia. Afinal, ainda durou uns anos ....



publicado por AATS / AATIB às 17:20
link do post | favorito

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

indice geral

ALMOÇO CONVIVIO EM ......

COLABORAÇÃO

O PAD1246

OS NOMES

A VIAGEM

ANGOLA - NOVA LISBOA

A MISSÃO

AS OBRAS

A ESCOLA

O JORNAL

A ESTATUA

DATAS E CASOS ESPECIAIS

O REGRESSO

MISCELÂNEA

O HINO E A CANÇÃO

2001 / ALMOÇO CONVIVIO

2002 / ALMOÇO CONVÍVIO

2004 / ALMOÇO CONVIVIO

2006 / ALMOÇO CONVÍVIO

2007 / ALMOÇO CONVIVIO

2008 / ALMOÇO CONVIVIO

2009 / ALMOÇO CONVIVIO

2015 Abril/ ALMOÇO

2015 Novembro/ ALMOÇO

pesquisar
 
arquivos
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


quem somos